loading

Síntese: Argentina e Messi desiludem na estreia no dia do VAR

Últimas Notícias

Mais vistas

Facebook

Sondagem

Quem vence a Bola de Ouro France Football 2018?

A Argentina estreou-se no Mundial2018 de futebol, que está a decorrer na Rússia, com um surpreendente empate com a Islândia (1-1), com um penálti falhado de Messi, enquanto a França sofreu para bater a Austrália, por 2-1.
Síntese: Argentina e Messi desiludem na estreia no dia do VAR

A Dinamarca venceu o Peru, por 1-0, enquanto a Croácia convenceu frente à Nigéria, com um triunfo por 2-0, no terceiro dia da competição, que vai ficar para história por ter sido a primeira vez em que o videoárbitro interveio.

Em Moscovo, no Estádio Spartak, a vice-campeã Argentina e Messi começaram mal este Campeonato do Mundo, com um empate perante um dos estreantes, a Islândia, que já pode dizer que tem um golo marcado na mais importante competição de seleções.

Os sul-americanos, com o benfiquista Salvio a titular, chegaram à vantagem por Kun Aguero, aos 19 minutos, mas os nórdicos responderam aos 23, por Alfred Finnbogason, que ficou eternizado na história do futebol do seu país.

Com Diego Maradona nas bancadas, Lionel Messi ‘tremeu’ aos 64 minutos, quando falhou uma grande penalidade, permitindo a defesa do guarda-redes Hannes Halldorsson, que acabou nomeado como o melhor em campo.

Além do resultado, a exibição dos pupilos de Jorge Sampaoli fez soar o alarme em terras argentinas, num Grupo D que passou a ser liderado pela Croácia, após a primeira jornada.

Em Kaliningrado, o nigeriano Etebo, transferido recentemente do Feirense para o Stoke City, marcou na própria baliza, aos 32 minutos, e Luka Modric fez o segundo golo dos croatas, aos 71, na marcação de uma grande penalidade.

Foi uma vitória sólida da Croácia, num encontro em que a diferença podia ter sido maior, tal o número de oportunidades criadas pela seleção europeia.

No primeiro jogo do dia, em Kazan, um golo a meias entre Paul Pogba e Aziz Behich, aos 81 minutos, que a FIFA atribuiu ao médio gaulês, deu a vitória à França, num encontro que ficou para a história dos Mundiais, por ter sido o primeiro a ter a intervenção do videoárbitro (VAR).

Tudo aconteceu no primeiro tento da França, aos 58 minutos, com o árbitro a reverter uma decisão e optar por marcar uma grande penalidade, após ver as imagens do lance.

Antoine Griezmann converteu o lance, mas o australiano Mile Jedinak, aos 62 minutos, refez a igualdade, também de penálti, a castigar uma mão totalmente escusada de Umtiti.

Mesmo sem convencer, os franceses lideram o Grupo C, em igualdade com a Dinamarca, que venceram em Saransk o Peru, por 1-0. Os sul-americanas estiveram pela última vez num Campeonato do Mundo em 1982.

O avançado Poulsen fez o único golo da partida, aos 59 minutos, enquanto o Peru pode lamentar uma grande penalidade falhada por Cueva, aos 45+1. Nesse lance, o árbitro da partida recorreu ao VAR, depois de inicialmente ter considerado que não havia razão para falta.

Siga-nos no Facebook, no Google+ e no Twitter.

Pode gostar de ler

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página