loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Óbito/Jordão: Sérgio Conceição lamenta morte de jogador de «grandíssimo nível»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, lamentou hoje a morte, aos 67 anos, do antigo futebolista internacional português Rui Jordão, que considerou um jogador de «grandíssimo nível».
Óbito/Jordão: Sérgio Conceição lamenta morte de jogador de «grandíssimo nível»

Em conferência de imprensa de antevisão da partida com o Coimbrões, para a Taça de Portugal, o técnico, que também foi futebolista, recordou Jordão, avançado que se habituou a "admirar no Sporting, mas também na seleção".

O treinador aproveitou ainda para dirigir uma palavra de ânimo a Fernando Gomes, antigo futebolista do FC Porto, que luta contra uma doença oncológica.

"Já lhe mandei um abraço em privado e agora faço-o em público. Com certeza que tudo vai correr da melhor maneira", desejou.

Jordão morreu hoje, aos 67 anos, no Hospital de Cascais, onde estava internado, em consequência de problemas cardíacos.

Natural de Benguela, Jordão destacou-se no Benfica, clube no qual iniciou a carreira, em 1971/72, e no Sporting, tendo disputado 43 jogos pela seleção portuguesa e marcado 15 golos, dois dos quais no Europeu de 1984, no qual Portugal foi eliminado nas meias-finais.

Jordão, que jogou também no Saragoça e no Vitória de Setúbal, onde terminou a carreira, em 1988/89, foi melhor marcador do campeonato português nas épocas 1975/76 e 1979/80, tendo conquistado seis títulos de campeão nacional, três Taças de Portugal e uma Supertaça portuguesa.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler