loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Bas Dost recorda Alcochete: «Nessa altura fiquei com muito medo de andar nas ruas»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

O avançado do Eintracht Frankfurt, Bas Dost, concedeu uma entrevista à revista «Kicker», onde abordou temas como a saída do Sporting e o ataque à Academia de Alcochete.
Bas Dost recorda Alcochete: «Nessa altura fiquei com muito medo de andar nas ruas»

«Após dois em anos em Lisboa, concordei com a minha namorada que iríamos ficar a viver naquela cidade para sempre. Eu era uma unidade importante no Sporting, marcava golos, adorava a cidade e o tempo. Tudo me corria bem», começou por dizer.

O internacional holandês recordou as agressões de que foi alvo a 15 de maio de 2018, considerando que, na altura, sentiu medo de andar na rua e chegou a ponderar abandonar os «leões».

Dost acabou por permanecer por mais uma temporada, até se transferir para o Frankfurt, a troco de 7 milhões de euros.

«Nessa altura fiquei com muito medo de andar nas ruas. Rescindi contrato, tal como outros jogadores fizeram, mas a minha namorada estava grávida e o nosso filho nascia em julho, falámos muito e acabámos por decidir que íamos ficar. Mas, quando o Sporting demonstrou que me queria vender, pensei imediatamente na Alemanha», assumiu.

Companheiro de equipa de Gonçalo Paciência e André Silva, Bas Dost já soma três golos na Bundesliga esta temporada.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler