loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Fábio Martins condena atos de vandalismo e diz que «ninguém entra em campo para perder»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

Fábio Martins, futebolista do Famalicão, recorreu às redes sociais para condenar os atos de vandalismo contra jogadores, afirmando que «ninguém vai para dentro do campo com vontade de perder».
Fábio Martins condena atos de vandalismo e diz que «ninguém entra em campo para perder»

"É suposto um jogador sentir-se mais motivado para ajudar o clube a chegar a vitórias depois de ver casa vandalizada, ter cabeças partidas, vidros nos olhos ou ser alvo constante de ameaças e assobios? Comentem, sem aquela conversa do 'eles ganham milhares, têm de se sujeitar'", escreveu hoje o jogador na rede social Twitter.

Na noite de quinta-feira, na saída da autoestrada A2, a caminho do centro de estágios do Seixal, o autocarro do Benfica foi atingido por pedras, resultando em estilhaços que atingiram Weigl e Zivkovic.

Além do incidente com o autocarro da equipa de futebol, as casas do treinador e de jogadores foram grafitadas com ameaças, segundo disse hoje à agência Lusa fonte oficial da Polícia de Segurança Pública, que foi alertada para estas ocorrências durante a manhã e já se encontra a investigar o caso.

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, repudiou os atos de vandalismo nas residências do treinador Bruno Lage e dos jogadores Rafa, Grimaldo e Pizzi, um comportamento que classifica de “inaceitável e inqualificável” e que merece uma “punição exemplar”, manifestando também apoio a Julian Weigl e Zivkovic.

A publicação de Fábio Martins já tem milhares de comentários de apoio à ideia do jogador e, nas respostas a alguns desses comentários, Fábio Martins deixa claro que esta não é uma situação isolada e que não se passa apenas num clube.

"Não é uma questão de apenas um clube. Em muitos clubes se passa isto. Não é uma questão de cores. É de mentalidade", escreveu o jogador do Famalicão que acrescentou ainda: "Toda a gente tem bons e maus dias. Tenho a certeza que ninguém vai para dentro de campo com vontade de perder, de não marcar ou de não correr. São dias. Somos humanos".

Fábio Martins apontou um dos golos da vitória do Famalicão sobre o FC Porto, na quarta-feira, por 2-1. em jogo a contar para a 25.ª jornada da I Liga, e que marcou o regresso da competição após pausa devido à pandemia da covid-19.

Na quinta-feira, o Benfica assumiu a liderança da I Liga, com os mesmos pontos do FC Porto, apesar do ‘nulo’ na receção ao Tondela, naquele que foi o primeiro jogo dos ‘encarnados’ depois da suspensão da competição devido à pandemia de covid-19, em 12 de março.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página