loading

Crónica: Benfica controla Midtjylland e segue tranquilo para o 'play-off'

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem tem o melhor plantel para 'atacar' o título?

O Benfica qualificou-se hoje sem problemas para o ‘play-off’ da Liga dos Campeões, com novo triunfo sobre o Midtjylland, agora por 3-1, em Randers, onde teve a eliminatória sempre controlada.

Crónica: Benfica controla Midtjylland e segue tranquilo para o 'play-off'

Com três golos à maior, após o 4-1 na Luz, os ‘encarnados’ acabaram os últimos resquícios de dúvida aos 23 minutos, com mais um tento do reforço argentino Enzo Fernández, que já tinha faturado nos outros dois jogos oficiais de 2022/23.

Na segunda parte, o Benfica ampliou a vantagem, por Henrique Araújo, aos 56 minutos, ainda sofreu, aos 63, novo golo de Pione Sisto, que já havia faturado na Luz, com a última ‘palavra’ a pertencer a Diogo Gonçalves, com um ‘golão’, aos 88.

Desta forma, o conjunto da Luz juntou o anunciado apuramento à 122.ª vitória na principal prova europeia de clubes - e 14.ª em 16 embates com dinamarqueses, face aos quais jamais perdeu -, precisando ainda de superar Sturm Graz ou Dinamo Kiev para se juntar a FC Porto e Sporting na fase de grupos.

Ao terceiro jogo oficial, o treinador Roger Schmidt fez a primeira alteração no ‘onze’, forçada, apostando em Chiquinho para o lugar do lesionado David Neres, no ‘4-3-3’, enquanto no Midtjylland, o interino Henrik Jensen procedeu a quatro alterações, mantendo o ‘3-4-3’.

Apesar da confortável vantagem conquistada em Lisboa, o Benfica assumiu o comando em Randers, desde o início, mas o primeiro remate, sem perigo, até foi dos locais, aos 14 minutos, por intermédio de Evander, para Vlachodimos segurar.

Gonçalo Ramos fez a primeira ameaça do Benfica, de cabeça, aos 18 minutos, para, aos 23, oferecer o golo a Enzo Fernández, com um passe ‘mortal’ para o argentino desviar à ‘boca’ da baliza, numa jogada em que também intervieram Rafa e João Mário.

Se ainda havia dúvidas sobre quem seguiria em frente, elas ficaram, em definitivo, ‘desfeitas’, com os ‘encarnados’ a acentuarem, a partir daí, o ‘modo gestão’, sem grandes acelerações, mas nunca deixando os defesas locais tranquilos.

Face a um maior ‘relaxamento’ dos ‘encarnados’, o Midtjylland criou as primeiras oportunidades, com Paulinho a roubar a Otamendi e a ‘esbarrar’ em Vlachodimos, aos 36 minutos, e Evander, isolado por Andersson, a falhar o alvo, aos 41.

Para a segunda metade, Schmidt trocou os ‘amarelados’ Rafa e Gonçalo Ramos por Henrique Araújo e Yaremchuk, mas, como na primeira parte, o primeiro remate foi dos dinamarqueses, por Sory Kaba, aos 52 minutos, com Grimaldo a opor-se.

O Midtjylland ganhou o seu 10.º canto aos 53 minutos, enquanto aos 56, o Benfica conquistou o quarto e chegou ao segundo golo: João Mário tocou à maneira curta para Chiquinho, este devolveu ao internacional luso, que centrou da esquerda para o desvio vitorioso de cabeça de Henrique Araújo.

Apesar de a eliminatória estar mais do que sentenciada, o conjunto da casa não se foi abaixo e conseguiu mesmo reduzir, aos 63 minutos, com Sory Kaba a cabecear à barra, após centro da esquerda de Paulinho, e Pione Sisto a faturar na recarga.

Os ‘encarnados’ passaram a ter, então, mais posse de bola, mostrando vontade de sair da Dinamarca com a vitória, que poderia ter sido garantida pelo dinamarquês Bah, não fosse o seu remate ter saído por cima, aos 79 minutos, após passe de Henrique Araújo.

A formação lusa acabou, no entanto, por chegar ao terceiro golo, aos 88 minutos: após um passe de Yaremchuk, Diogo Gonçalves fletiu da esquerda para o meio e, ainda fora da área, fez um espetacular remate de pé direito, um ‘tiraço’ que sobrevoou Olafsson, ‘beijou’ a barra e entrou no ângulo superior esquerdo.

Na parte final, aos 90+3 minutos, o Midtjylland ainda introduziu a bola uma segunda vez na baliza de Vlachodimos, mas o VAR, que esta época entrou na terceira pré-eliminatória, descortinou um fora de jogo de Chilupya.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Na Primeira Página