loading

Jorge Simão: «Não houve uma oportunidade clara de perigo por parte do Marítimo»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem merece vencer a Bola de Ouro?

Declarações de Jorge Simão após o jogo Marítimo-Paços de Ferreira (2-0), da 12.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado hoje no Funchal.

Jorge Simão: «Não houve uma oportunidade clara de perigo por parte do Marítimo»

O Paços entrou muito bem, fez uns primeiros 20 minutos de grande qualidade e a partir daí houve um maior equilíbrio no jogo, mas ainda assim acho que fizemos uma primeira parte perfeitamente controlada. Não houve uma oportunidade clara de perigo por parte do Marítimo.

Na segunda parte houve o lance do golo, uma bola nas nossas costas que acabou por mexer muito com estado anímico dos jogadores, quer de uns, quer de outros.

O segundo golo foi uma tremenda eficácia do Marítimo que acaba por fechar um resultado por 2-0, com oito remates contra 16.

A intranquilidade sentiu-se. Eu senti-a e acho que quem conseguisse fazer um golo primeiro iria acentuá-la. Estou a falar tanto de uma Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página