loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

José Gomes: «Ofensivamente, fizemos muito pouco»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Outras Notícias

Sondagem

Com a vitória do FC Porto frente ao Benfica o campeonato está relançado?

Declarações de José Gomes, treinador do Marítimo, após o a derrota frente ao Sporting (0-1), em jogo da 18.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado no Estádio José Alvalade, em Lisboa.
José Gomes: «Ofensivamente, fizemos muito pouco»

“Ofensivamente, fizemos muito pouco. A esse nível, não fiquei satisfeito com o que os jogadores fizeram, podiam ter feito muito mais. De resto, eles têm feito um trabalho extraordinário, uma entrega fantástica e a darem sinais de uma evolução satisfatória. Hoje, ofensivamente, estava a contar que se entregassem mais ao jogo. Senti que se acomodaram ao resultado e parecia que estavam satisfeitos com a distribuição de pontos. Não é isso que quero para a minha equipa. Construímos jogadas interessantes, mas claramente aquém daquilo que conseguimos fazer ofensivamente.

Temos de mostrar em campo, nos jogos, aquilo que já temos mostrado em jogos anteriores, que conseguimos circular a bola e criar ocasiões. Fizemos poucas hoje. O que já fizeram noutros jogos leva-me a esperar que este Marítimo, na segunda volta, vai conseguir mais pontos do que os que conseguiu na primeira volta.

Esta mensagem é em tom de alerta, porque o Marítimo que eu quero, independentemente da valia, da cor da camisola ou da classificação, é uma equipa que queira jogar o seu futebol. Evidentemente que, dependendo do adversário, temos de nos adaptar, mas não podemos acomodar-nos a um resultado que não é o que queremos porque o adversário tem um maior palmarés”.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler