loading

"Não percebo como é que o Schmidt consegue ter o Di María e o Rafa tanto tempo em campo"

A campanha europeia do Benfica está longe de ser um conto de fadas, e a última performance no Estádio da Luz frente ao Inter de Milão apenas exacerbou as frustrações dos adeptos encarnados com o 'falhanço' da equipa comandada por Roger Schmidt na prova milionária.

"Não percebo como é que o Schmidt consegue ter o Di María e o Rafa tanto tempo em campo"

"Passo a deselegância mas o Benfica jogou com nove quase todo o jogo"

Apesar de começarem com uma vantagem de três golos, graças a uma exibição de gala de João Mário nos primeiros 45 minutos do encontro, os benfiquistas viram a sua equipa ceder a liderança na etapa complementar, resultando num empate agridoce para o emblema da Luz.

Com este empate diante do emblema italiano, as águias precisam vencer o último encontro da fase de grupos da Liga dos Campeões, diante do RB Salzburg, pela diferença de dois golos para se qualificar para a Liga Europa.

O ex-capitão do Benfica, Diamantino Miranda, não hesitou em expressar o seu descontentamento com a performance dos encarnados, questionando as escolhas de Roger Schmidt, técnico alemão que volta a estar uma vez mais sobre o escrutínio da imprensa portuguesa.

Miranda, agora um observador atento do desporto que um dia serviu como capitão, não poupou críticas à gestão de jogadores do técnico germânico.

"Não consigo perceber como é que o treinador consegue ter o Di María e o Rafa tanto tempo em campo"

"Duas substituições a 30 segundos do fim? Não é muito explicável", acrescentou Miranda, em declarações na CMTV, citado pelo jornal 'Bancada.pt'.

"O Benfica jogou com nove jogadores quase todo o jogo", afirmou, revelando a sua desilusão com o que descreveu como uma situação inaceitável

"Quer dizer, isto não é muito admissível", apontou Diamantino Miranda.

A insatisfação de Miranda não se limitou apenas à presença de Di María e Rafa em campo, mas estendeu-se à análise do desempenho global da equipa encarnada.

"Por muito que o Benfica não esteja numa boa altura em termos de exibições na Champions, principalmente na Champions, é inexplicável isto que aconteceu", observou o antigo capitão do Benfica.

Apesar do empate diante do Inter, o Benfica conquistou o seu primeiro ponto nesta edição da Liga dos Campeões, mas agora enfrenta o desafio de vencer por dois golos na Áustria contra o RB Salzburg para garantir um lugar na Liga Europa.

A perplexidade de Diamantino Miranda, uma voz respeitada no universo benfiquista, reflete o desencanto generalizado dos adeptos encarnados perante a atual trajetória da equipa de Roger Schmidt.

Confira aqui tudo sobre a competição.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Para si

Na Primeira Página

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem está mais perto de chegar aos quartos de final da Liga Europa?