loading

"O Sporting agarrou-se muitas vezes à Taça de Portugal. Para nós era a segunda competição"

O futebol português está prestes a atingir um dos momentos mais intensos da temporada, com o aguardado confronto entre Sporting e Benfica nas meias-finais da Taça de Portugal.

"O Sporting agarrou-se muitas vezes à Taça de Portugal. Para nós era a segunda competição"
Benfica

"O Benfica esteve em cinco finais europeias, ganhou duas", recorda António Simões.

O embate entre leões e águias, marcado para o final do dia desta quinta-feira em Alvalade, promete um espetáculo recheado de emoções, com ambas as equipas determinadas a conquistar a vitória e assegurar um lugar na final da prova rainha do futebol português.

O Sporting, após um empate frustrante contra o Rio Ave, entra em campo com a determinação de recuperar o terreno perdido e reafirmar o seu estatuto como um dos principais contendores em todas as competições em que está envolvido.

Por outro lado, o Benfica, orientado por Roger Schmidt, entra neste confronto determinado a manter a sua ascensão e consolidar o seu domínio recente no futebol português.

"És campeão com certa naturalidade, logo muitas vezes o Sporting tinha de agarrar-se à Taça"

Numa antevisão ao dérbi, António Simões, ex-internacional português, trouxe memórias de um passado glorioso e, o último triunfo encarnado em Alvalade para a Taça de Portugal, que remonta ao ano de 1963, onde as águias venceram por uma bola a zero, ainda ecoa na mente de Simões.

O ex-jogador, que tinha apenas 19 anos na época, recorda com nostalgia a experiência de partilhar o campo com figuras lendárias dos encarnados e do futebol português, como José Águas, Coluna, Germano e Costa Pereira.

"Era bem novo e aquilo de que me lembro melhor é de ver o José Águas, de estar ao lado dele e do Coluna, do Germano e do Costa Pereira", começou por dizer Simões, em entrevista concedida ao jornal 'A Bola'.

"Lembro-me da forma como me tratavam e protegiam, era um miúdo, apenas 19 anos, estava com aquela gente toda a jogar e eu queria era correr. Do jogo, porém, já não me lembro muito", acrescentou a antiga glória do Benfica.

Simões, que também participou no Campeonato do Mundo de 66, destaca a grandeza da geração entre 1961 e 1968. É importante recordar ainda que o Benfica esteve em cinco finais europeias, tendo conseguido conquistar duas delas.

"Lembro-me da minha estreia no Campeonato, que foi precisamente com o Sporting, um empate 3-3, em 1961. Depois em maio fui campeão europeu", lembra o ex-internacional português.

"Aquela geração toda, entre 61 e 68... Benfica esteve em cinco finais europeias, ganhou duas, e no meio disto tudo ainda houve o 3.º lugar no Campeonato do Mundo de 66", observou ainda Simões.

No entanto, o antigo jogador também aborda as dificuldades que o Benfica enfrentava em Alvalade para a Taça de Portugal, explicando que, na época, o Sporting tinha uma grande equipa, e o facto de os encarnados serem frequentemente campeões nacionais tornava a Taça uma prioridade para os leões.

"No nosso tempo o Sporting tinha uma grande equipa e só não foi mais vezes campeão porque a equipa do Benfica era ainda melhor. É o mesmo com os violinos nos anos 50", destacou.

"O segundo aspeto tem a ver com algo natural no ser humano. Jogas para o campeonato e és campeão com certa naturalidade, logo muitas vezes o Sporting tinha de agarrar-se à Taça. O Sporting agarrou-se muitas vezes à prova rainha, para nós era a segunda competição", rematou António Simões.

Enquanto os protagonistas deste espetáculo histórico se preparam para o embate, as palavras de Simões proporcionam uma perspetiva única sobre a rica história deste dérbi e o seu impacto duradouro no futebol português.

O ambiente em torno deste confronto é eletricamente carregado, com os adeptos de águias e leões a fervilhar de antecipação e os jogadores a sentirem a responsabilidade de escrever mais um capítulo memorável na rivalidade centenária entre Sporting e Benfica.

Confira aqui tudo sobre a competição.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Para si

Na Primeira Página

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem será o próximo presidente FC Porto?